Pela demarcação de terras, delegação indígena de Avaí acampa em Brasília

Acampamento teve início em 7 de junho com indígenas de todo o país; além da demarcação de terras, protestam contra o Projeto de Lei 490

Publicado em 16 de junho de 2021

Indígenas reunidos em frente à Esplanada dos Ministérios, em Brasília (Foto: Bibiana Garrido/Jornal Dois)
Por Bibiana Garrido
Uma delegação de 40 indígenas saiu da Terra Indígena de Araribá, em Avaí, para integrar o Acampamento Levante Pela Terra na capital federal. Desde 7 de junho, povos indígenas de todo o país estão acampados em Brasília, na Esplanada dos Ministérios, em protesto contra o PL490 e pela demarcação de terras. O projeto de lei, que está em pauta na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, na prática, inviabiliza o reconhecimento de territórios indígenas e dá margem para a retirada de terras já demarcadas.
 
O Jornal Dois conversou com Anildo Awarokadju, morador da aldeia Teregua, cerca de 40 quilômetros de Bauru, que é presidente do Conselho Estadual dos Povos Indígenas de São Paulo. Também falamos com Cacique Darã, coordenador geral da Articulação de Povos Indígenas do Sudeste, que pede apoio da população para a continuidade do Levante. Veja no vídeo:
 
Acredita no nosso trabalho?         
Precisamos do seu apoio para seguir firme.    
Contribua  a partir de 10 reais por mês. 

Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.