Acompanhe Covid-19: site bauruense reúne dados do vírus no Brasil

Projeto independente apresenta atualizações diárias com o número de casos no país e informações detalhadas para cada estado

Publicado em 15 de abril de 2020

Por Bibiana Garrido

Dois jovens da cidade de Bauru pensaram, projetaram e construíram um site para divulgar informações sobre a covid-19 no Brasil. Gabriela Sakita, designer, e Daniel Kojima, programador, estavam em busca de um lugar para ter acesso fácil aos dados sobre a doença no país. A solução deu forma ao site Acompanhe Covid-19.

Para acessar o portal bauruense, basta navegar abaixo ou clicar: www.acompanhecovid.com.br

“Eu tava procurando estatísticas da situação no Brasil e só encontrava gráficos em sites gringos”, conta Daniel. “A gente vê dados nas notícias, mas às vezes é difícil achar a notícia de novo. Então pensei de ter um site pra apresentar informações de forma simples e que você sempre pudesse voltar lá pra se atualizar”. 

A proposta é apresentar informação de um jeito prático e acessível, por meio da visualização de dados. “Queríamos algo que fosse fácil de olhar e entender”, explica Gabriela. “A pessoa se informa sem ter que ler tanta coisa pra chegar naquela informação que ela queria saber, que é o estado dos casos da covid-19”.

O projeto foi lançado na semana passada, e o tempo que a dupla levou entre pesquisa e desenvolvimento não foi mais do que 24 horas.  

Depois do primeiro dia no ar o site recebeu uma atualização: “Antes dava pra ver só os dados do Brasil, agora dá pra escolher por estado”, informa a designer.  

Com atualizações diárias, o site bauruense tem como referência os números divulgados pelo Ministério da Saúde e pelo Worldometers – que contabiliza casos de coronavírus ao redor do planeta. Um programa conecta as bases de dados e é acionado manualmente por Daniel todos os dias, às seis da tarde. “Preferi manter a atualização manual para não correr o risco de mudar alguma coisa e eu nem ficar sabendo”, conta o programador. 

Os realizadores divulgaram o projeto em suas redes sociais, e agora buscam formas de melhorar a apresentação das informações no site para chegar a cada vez mais pessoas. “Conforme a gente for tendo mais ideias, vamos incrementando”, comentam.

Daniel Kojima, programador, e Gabriela Sakita, designer; os dois são responsáveis pelo site Acompanhe Covid-19 (Foto: Arquivo pessoal)

“Acompanhe Covid-19” mostra, além do total de casos e óbitos causados pela doença, a quantidade de pessoas que já foram curadas do coronavírus no país. No portal do Ministério da Saúde não há essa informação: o site bauruense colhe esses dados de fontes internacionais.

“Pandemia é um fenômeno estatístico, então como que a gente pode entender o que tá acontecendo se a gente não vê esses dados ao longo do tempo?”, questiona Daniel. E segue: “Se foram tantas pessoas que morreram hoje, quantas foram ontem? E antes? O que isso quer dizer? Como que isso tá crescendo?”. 

Visualizar e analisar dados contribui para entender o comportamento da doença no Brasil e no mundo. O site bauruense é uma iniciativa independente que coleta informações na rede ao lado dos canais oficiais de comunicação governamental, da área acadêmica e dos meios de comunicação. 

Além do portal do Governo Federal, universidades brasileiras UFV – Universidade Federal de Viçosa e UFBA – Universidade Federal da Bahia também mantém painéis atualizados com os números do coronavírus no país. A UDESC, universidade estadual de Santa Catarina monitora casos e óbitos do país em um painel. A UFV e o governo do Estado de São Paulo apresentam as informações filtradas por município. O site Lagom Data traz gráficos e textos sobre o assunto, 




Acredita no nosso trabalho?         
Precisamos do seu apoio para seguir firme.    
Contribua  a partir de 10 reais por mês. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.